sexta-feira, 31 de julho de 2009

Desejo De Sangue - 1° parte

Não estou fazendo isso por inveja, mais sim por nescessidade, ontem passei o dia todo louco por historias de terror, os contos da Aline, e do Carlos porém nem um continho se quer no blog de ambos foi publicado, sei que ninguem tem a obrigação de nada aqui, pois aqui é um lugar para extravasar e matar o tedio. Mas eis que me surge uma ideia, criarei meu proprio conto e assim postarei quando quiser! ai vai, estão prontos? vocês que pediram... muahaha muahaa cof cof muahahaha!

Desejo De Sangue – 1° parte

Fazia frio e na rua apenas Peter perambulava, irritado demais para prestar atenção no caminho que seguia. Porque ela terminou comigo? O que eu fiz a ela? Será que ela tem outro?_ perguntava Peter a si mesmo, depois de ter levado um fora da namorada, nada mais fazia sentido para ele.
Peter ouviu longas e altas risadas vindas aparentemente de um cemitério, Não pode ser eu devo estar ficando louco _ pensou Peter, porem curioso demais para seguir seu extinto e seguir correndo na direção oposta, Peter seguiu silenciosamente até o cemitério. O que ele via não fazia sentido, em cima das sepulturas três jovens se encontravam, uma mais bela que a outra, ao se mover para mais perto das jovens, Peter acabou pisando em um galho seco que estalou ao ser pisado por ele,
As jovens se viraram para onde o som tinha vindo.
_ Irmãs temos um visitante _ disse uma das jovens sorrindo tenebrosamente para ele, seus olhos eram de um azul profundamente belo.
_ Não o deixe fugir Aghata querida _ falou uma das jovens que tinha os olhos cor de mel.
_ Daqui ele não sai Sofhia _ os olhos de Aghata que eram azuis ficam negros e agora Peter não conseguia mais se mexer.
_ Isso agora vamos comer, já estava ficando com fome _ exclamou outra jovem de olhos vermelhos.
_ Nem pense nisso Camila, ele é diferente. Quero-o pra mim _ ordenou Aghata _ Forasteiro apresente-se.
_ Me chamo Peter _ gaguejou ele.
_ Não me diga que você vai fazer isso Aghata, ofertar a ele o dom imortalidade? Você esta ficando louca_ berrava Sofhia
_ Quieta! _ sibilou Aghata _ você Peter deseja ficar ao meu lado para toda eternidade? Ou prefere a morte?
_ ficar com você para toda a eternidade ou morrer? Que diabos mulher, quem recusaria ficar com você para sempre?_ disse Peter.
_ Muitos a morte imploram, depois de sentir a dor da transformação _ disse Camila com um sorriso no rosto.
_ Se escolher ficar ao meu lado terá de enfrentar uma dor terrível, por isso muitos preferem a morte _ sussurrava Sophia.
_ Eu desejo ficar com você para sempre linda Aghata _ desejou Peter.
_ Se assim deseja, assim será! _ gritaram as três jovens em uníssono.
************************************************************************************
espero que tenham gostado até mais!

6 comentários:

lais disse...

Nossa adorei esse conto ele é muito impresionante prende a atenção de quem esta lendooo!!!!! vai ter continuação????

Tiago Dadazio disse...

QUE É ISSOO
BEM DARK MESMOOO!!

chrisdark disse...

tento sempre fazer o melhor rsrs

Pobre esponja disse...

Continue assim, amigo! Sucesso!

abç
Pobre Esponja

A. Hermann disse...

Muito bem Chris, fico feliz que os nossos contos (meu e do Carlos) tenham te encorajado a escrever um também! Espero ansiosamente pela segunda parte. Parabéns =D Logo estará disponível a terceira parte do meu e vou adiantar uma coisa já: na minha história também existe um Peter hehhehe, visite http://abhermann.blogspot.com/

Carlos Alberto Mota Candreva disse...

Sim eu li inteiro, e gostei que vc se inspirou na gente (eu e Aline) ^^...Sabe vendo as feições de cada uma que vc citou lembrei um quadro onde o artista pintou umas crianças dark sentadas, eram as mesmas caracteríscas..rsrs


Muito bom espero a continuação...

Já postei a quarta parte Neblina: Boa noite sexta-feira sombria...e adianto que talvez as últimas partes talvez estejam por vir, se já chama Quietus, e terá duas partes, possivelmente as finais...ainda não tenho certeza...

http://candrevasblog.blogspot.com/